obrigado!
entraremos em contacto consigo brevemente
Gamificação no local de trabalho: aumenta realmente a produtividade?

A Gamificação é um termo muito utilizado nos locais de trabalho atualmente. Cada vez mais se discute a relevância de utilizar os métodos de reconhecimento que se obtém nos jogos para aumentar a motivação dos trabalhadores nas empresas.

Em termos gerais, a gamificação consiste na utilização de técnicas de jogos em atividades que não estão relacionadas com jogos, recorrendo a recompensas para motivar os utilizadores. Assim, a gamificação transforma as tarefas morosas em desafios.

Muitas aplicações móveis já utilizam técnicas de gamificação há vários anos. Por exemplo, a aplicação do MBWAY oferece pontos aos utilizadores por cada utilização da aplicação ou do sistema de multibanco. Diferentes ações, como transferências, pagamentos, etc, têm valores distintos. Ao atingir determinado número de pontos, são “desbloqueadas” raspadinhas, que permitem ao utilizador ganhar prémios. Esta espécie de jogo motiva os utilizadores da MBWAY a utilizar mais a aplicação, na esperança de ganhar os prémios.

Mais recentemente, as técnicas de gamificação foram sendo aplicadas nos locais de trabalho, transformando tarefas em interações de jogo. O objetivo é que os funcionários que se envolvam mais no trabalho, produzindo trabalho de melhor qualidade e com mais produtividade.

No entanto, muitos líderes ainda não estão convencidos relativamente à gamificação no local de trabalho. Algo que deve ser esclarecido é que utilizar métodos de gamificação não significa que os funcionários passam o dia a jogar jogos. A tecnologia é apenas o meio para colocar em prática um conceito de psicologia que vai beneficiar o seu negócio.

Porque é que a gamificação funciona?

Lembra-se do seu primeiro vencimento? Com certeza foi um momento muito emocionante. Hoje em dia provavelmente até ganha melhor, mas receber o ordenado já não o entusiasma como aconteceu da primeira vez.

Isso acontece porque já recebeu o mesmo estímulo repetidamente. Todas as recompensas necessitam de aumentar de intensidade ao longo do tempo devido à habituação.

O mesmo acontece com a motivação dos funcionários. Favoritismo, falta de feedback, falta de transparência, objetivos pouco claros - todos estes fatores “matam” a motivação dos funcionários e a cultura da empresa. A gamificação pode ajudar com este problema. Os funcionários querem saber como está o seu desempenho e se o que estão a fazer é importante. A gamificação oferece feedback em tempo real. Em vez de trabalharem em direção a metas anuais imprecisas e que parecem muito distantes, os funcionários têm metas significativas e palpáveis. Por outro lado, ajuda os indivíduos a sentirem-se integrados e importantes perante os outros.

Por razões óbvias, a gamificação funciona melhor em funções em que os resultados são facilmente medidos. Alguns exemplos de métricas utilizadas são: número de contactos feitos, reclamações resolvidas, clientes atendidos, quanto tempo demorou a responder a um email, etc.

Outra das áreas em que a gamificação pode ser especialmente útil é na formação. Em vez de assistirem a palestras passivamente, os funcionários poderão ter acesso a métodos de formação mais interativos e que reforçam a cultura da empresa diariamente.

Infelizmente, há funções que não são tão facilmente mensuráveis. Nesses casos, é mais difícil “gamificar” o trabalho, mas com criatividade é possível definir números que representam os objetivos do profissional ou da organização.

Por último, parece-nos importante sublinhar que nem tudo é positivo na promoção da gamificação no local de trabalho de trabalho. Enquanto que para alguns funcionários, a gamificação pode ser um fator de motivação, para outros poderá ser uma fonte de stress. A necessidade de os funcionários estarem constantemente a trabalhar em função de resultados pode causar muito cansaço. Por outro lado, a transparência dos resultados pode ser stressante para os trabalhadores.

Como humanos que somos, nem sempre temos os mesmos níveis de produtividade, e há dias em que simplesmente não conseguimos produzir da forma esperada. O facto de esses resultados estarem sempre evidentes pode ser constrangedor para o trabalhador.

O truque está em encontrar o equilíbrio certo entre a utilização de técnicas de gamificação para motivar os trabalhadores, sem os stressar ou deixar ansiosos. Na verdade, esta é uma questão válida para quase todos os aspetos da transformação digital atual: quanta tecnologia deve ser utilizada e quanto trabalho deve permanecer humano.

+351 226 092 388
Phone
+351 226 092 388
Whatsapp
Chat